na frase: "EU nunca vou te abandonar", o sujeito é Deus